Crianças na internet

crinacanet.jpgÉ cada vez mais comum ver crianças bem novas navegando na internet, o que é otimo! Assim elas têm acesso à informações e abrem suas cabeças para o mundo muito mais cedo. Vale à pena lembrar algumas dicas para que essas figurinhas tenham um acesso seguro e que você fique tranquilo com a situação:

  1. Gaste tempo com seu filho(a) na internet
    Navegar na internet com seus filhos é bom começo para mostrar conteúdos legais e educativos, dessa forma pode mostrar para eles o que a rede tem de bom para oferecer. Uma boa dica é começar pelo o site dos canais de tv infantis e desenhos favoritos dele, além de site de jogos educativos.
  2. Estabeleça Limites
    Navegar é ótimo, mas é preciso ter limites. Faça um acordo com os pequenos quanto ao tempo de uso da internet. Lembre-se que é sempre bom dividir as atividades, ficar muitas horas na frente de um PC não é saudavel e não substitui um domingo empinando pipa e jogando bola no parque.
  3. Atenção aos Chats
    Conversar na internet pode ser um ótimo lugar para seus filhos fazerem amigos e compartilharem interesses, no entanto tudo deve ser muito bem supervisionado. Pergunte para garotada com quem andam conversando e sobre o que. Intervenha sempre que julgar necessário e explique que há certas coisas que não conversamos na internet.

É uma tarefa complexa e pode ser longa, mas nada o impede de buscar ajuda. Hoje em dia existem softwares que ajudam a controlar por onde seus filhos navegam.

Para os sortudos usuarios do Firefox existe o Glubble, uma extensão 100% gratuita e fácil de usar.

Ainda existe o Naomi que faz o mesmo serviço e é na realidade um software gratuito que você instala no seu computador para poder monitorar e limitar aquilo que é permitido.

Lembre-se, no final das contas é tudo uma questão de quanta atenção você dá ao seu filho.



Igor Barbosa - 13/11/07


12 Comentários

  1. mirelly disse:

    oi

  2. joseli disse:

    que xato eu so criança eu nao gosto de limite

  3. geovana disse:

    eu acho super legal uma criança conversar com outras crianças claro que tem os seus riscos mas é bom ate para a criança conhecer como é o mundo aqui fora

  4. larissa paula disse:

    oi; foi muito legal fazer este site para criança gostei muito estava precisando de um site assim que as crianças dé sua opinião

  5. larissa paula disse:

    oi, meu nome é larissa e o seu

  6. EAD disse:

    Vou orientar isso pra minha irmã a respeito disso!!Vlw pela dica!!

  7. Isso acontece mesmo, acho que tme que ser ocmo o Igor falou, um uso consciente e a principio acompanhado. A internet não pode ser babá mesmo!

  8. Ostrock disse:

    Longe por um tempo, tem pai que deixa o filho de seis sete anos sozinho na internet, como se os jogos virtuais e bate bapo fossem babas eletrônicas.

  9. Que bom que serviu, Raquel :)

    Guilherme, acho que manter as crianças longe é só tapar o sol com a peneira. Vai aumentar a curiosidade e o risco de acontecer alguma coisa :/

  10. Ostrock disse:

    Intern com criança é realmente um problema, creio que seja preferível mantê-los longe por um tempo, nunca se sabe o que se pode encontrar.

  11. uau!
    tava precisando disso pros pirralhos dos meus irmaos, valeuzao.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *