12 Sites com Vagas de Emprego na Internet

Publicado em 21/02/2011 por Pedro Villalobos

Escritório de Trabalho

O ano está começando e você está desempregado, buscando uma vaga de emprego sem saber exatamente onde procurar? Então vai ai uma lista de sites focados em oferecer vagas de emprego e espaço para anúncio por parte de empresas.

Todos os sites tem opções gratuitas e pagas, o ideal é testar vários e manter seu currículo atualizado em todos. Caso opte por pagar por algum, teste antes para ver se é tem exatamente o que você precisa.

Esta lista está em ordem alfabética, não priorizando de forma alguma qualquer um dos sites informados.

E seu currículo, já sabe como fazê-lo? Se seu foco é o primeiro emprego, já apresentamos aqui um tutorial de como montar um currículo para o primeiro emprego.

Além disso, todos esses sites oferecem boas bases para a criação de seu currículo. E lembre-se, não minta nele!

Como aproveitar melhor cursos e palestras

Publicado em 13/04/2010 por Pedro Villalobos

Como aproveitar melhor cursos e palestras
O tempo é algo cruel e um relógio no pulso pode atrapalhar muito sua produtividade. Em reuniões, cursos e palestras, muita gente insiste em marcar o tempo sem necessidade alguma, inclusive eu, então decidi fazer um experimento:

Ficar completamente alheio ao horário durante o final de semana.

No último final de semana (10 e 11 de abril) eu participei do curso da Mestre Seo e simplesmente ignorei o relógio. O que fiz foi:

1- Tirei o relógio do pulso

Simples, o velho hábito de olhar para o pulso se perde quando não tem nada nele.

2- Guardei o celular

Você pode colocar seu celular na mochila, aonde não tem fácil acesso ou simplesmente manter algum programa aberto que tampe a hora, se for um radical pode até mesmo desligá-lo, só que isso eu não consigo fazer.

3- Desativei o relógio do computador

Esse último foi crucial, pois mantenho um relógio no meu computador com 3 fuso-horários (Brasil e mais dois relativos a servidores da Blue Box no exterior) e a data. O hábito de olhar pra ele é é gigantesco. Se fosse medir quantas vezes olho por dia diria que gasto uns 15 minutos só com isso.

Mas porque exatamente eu desapareci com os relógios?

Bem, o curso era relativamente longo, 8 horas por dia, mas o tema extremamente interessante e relevante para mim. Sendo assim não queria me distrair de forma alguma, nem me preocupar com quanto tempo está passando. Deixei isso para os palestrantes – Fábio, Frank, Bruno e Felipe - eles sabem muito bem quanto tempo têm e quanto podem gastar em cada questão proposta. Me foquei em tirar minhas dúvidas e fazer anotações.

O resultado de me desligar do tempo

Ok, não foi exatamente todo o final de semana que me desliguei, somente durante as palestras. Com isso eu consegui escrever mais de 100 notas, cada uma com 2 ou 3 parágrafos. Extrai o máximo do curso com isso e tenho um material preciso e organizado que vai me servir de referência por muito tempo.

E você, como faz para aproveitar melhor cursos e palestras?

Uma forma fácil de criar Wireframes

Publicado em 5/10/2009 por Pedro Villalobos

Modelo do blog Isso Mesmo

Todo mundo que trabalha com desenvolvimento conhece a importância do uso de wireframes, seja para aprovação do cliente ou para testes de usabilidade. Ele é literalmente um esqueleto do seu projeto e a idéia é que criar um destes dá menos trabalho do que criar uma “versão final” para cada um dos protótipos.

Quem desenha bem ou tem agilidade no mouse, não vê problemas em criá-los diretamente no Photoshop ou outro programa gráfico qualquer, o problema começa se você não tem tais habilidades. Um tempo atrás o Rodrigo Bressane citou no twitter um programa para facilitar a vida de quem precisa criar muitos destes: Balsamiq Mockups. Sendo membro da categoria de pessoas que não tem a menor destreza com o mouse, resolvi testá-lo.

O Balsamiq Mockups utiliza a plataforma Adobe Air, ou seja, roda em qualquer plataforma (Windows, Linux, Mac), porém não é um programa gratuito (apesar de ser possível conseguir uma licensa grátis em alguns casos), custa US$79 e vale cada centavo.

Um bom exemplo do uso que fiz dele é o blog “Doutor, me Explica?“, onde à partir do wireframe a Priscila (que trabalha comigo na Blue Box) conseguiu criar o layout final muito rapidamente.

Mas melhor que falar o que ele pode fazer, decidi mostrar um pouquinho. Este vídeo foi feito no dia que instalei o programa, em menos de 10 minutos criei uma réplica bem simples do Isso Mesmo sem nunca ter aberto o Balsamiq antes:

Além das funções básicas mostradas no vídeo, você ainda tem a disposição algumas bibliotecas de modelos como o Mockups To Go, ideais para trabalhar em cima de um formato pré-definido, como o twitter, YouTube, Google Maps, entre muitos outros.

Baseado na idéia do Balsamiq Mockups, em agosto deste ano um desenvolvedor chamado Enrico criou o Napkee. Este programa, que também usa a plataforma Adobe Air, permite exportar seu modelo do Balsamiq para páginas completas em HTML/CSS/JS e Adobe Flex 3. Muito útil para que desenvolve para web e quer algo rápido e simples publicado o quanto antes. Ele também não é gratuito, mas pode ser comprado à partir de US$49 (ou novamente você pode conseguir uma licensa grátis caso se enquadre) ou testado de forma completa por 15 dias. Ainda não testei, mas pretendo fazer o quanto antes.

Esboçar coisas no papel realmente não é minha praia. E você, como desenvolve wireframes?

Como limpar um MacBook Branco

Publicado em 22/07/2009 por Pedro Villalobos

Qualquer um que tenha um MacBook Branco, sabe como é fácil ele ficar sujo e com aparência de encardido. Pior que isso, é a dificuldade para limpar um produto tão caro.

Tentei várias formas de limpar meu MacBook, mas nenhuma funcionou direito – e uma inclusive queimou o teclado inteiro – até que em um comentário do Twitter, o Leonardo (ou @lien), disse que estava usando um produto chamado Limplex e que ele funcionava muito bem.

Fui à caça do tal Limplex e o resultado foi esse vídeo abaixo, em que eu limpo meu MacBook inteiro em 10 minutos.

Link para o Videolog

Realmente este produto é uma maravilha. Para compra online, só encontrei na Kalunga. Dizem que em lojas do centro de São Paulo é possível encontrá-lo também. A grande vantagem é seu preço, menos de R$10,00 por um pote que deve durar bastante.

Só queria lembrar novamente, que é essencial tirar a bateria do MacBook antes da limpeza, para evitar qualquer tipo de curto circuito.

Você conhece alguma boa forma de limpar um notebook branco? Deixe seu comentário!

Juntando pastas no Mac baseado em critérios

Publicado em 12/07/2009 por Pedro Villalobos

Atualmente, como sócio da Blue Box, uma de minhas funções e garantir o bom funcionamento de nossos servidores e com isso ter o melhor custo x benefício para os clientes. Graças a isso, tenho pentelhado bastante o Felipe para que diminuísse um pouco a resolução das imagens postadas no Pristina. Isto estava ficando de lado, até que o blog dele cresceu bastante devido ao destaque em alguns artigos.

A primeira parte da solução

Diminuir a resolução das imagens era tarefa fácil, bastava usar o OSX Image Resizer, que o próprio Felipe me indicou. O que eu não contava era com o fato deste programa aumentar o tamanho de algumas imagens que ele simplesmente não estava redimensionando. Apesar de o resultado final serem pastar menores no geral, era possível diminuir mais ainda se juntasse as duas pastas e só mantivesse os menores arquivos por lá.

Perfeito, segundo problema: como fazer para unir pastas no Mac com este critério?

O santo Google me ofereceu dois programas, um deles gratuito, o Folder Splitter. Apesar de ser muito bom, ele não me oferecia a opção de escolher para automaticamente usar o menor arquivo. Descartado!

Finalmente uma solução

A segunda opção infelizmente não é gratuita, mas faz tudo que o Folder Splitter faz e mais um pouco, o The Big Mean Folder Machine. Com este programa (que custa €14,95) eu pude unir todas as pastas necessárias – quase 3 mil arquivos – em pouquíssimo tempo.

Além de oferecer a opção de utilizar o menor arquivo, ele ainda oferece a opção de ordenar por data dos arquivos (super útil para backups e organização de fotos), nome de cantor, datas, ábuns e afins no caso de músicas. E muito mais.

Definitivamente este programa vai me ajudar muito a diminuir o espaço usado do meu HD e a organizar e limpar pastas de downloads e toda coisa do tipo.

E você, conhece alguma outra forma rápida de organizar grandes bibliotecas de arquivos? Deixe seu comentário!

← Página AnteriorPróxima Página →